Gado leiteiro - Imagem ilustrativa

A LFPec – Pecuária Profissional, grupo voltado a cria, recria e comercialização de gado de corte, com unidades no Mato Grosso, Bahia e São Paulo, recebe projeto que integra inteligência artificial com software de gestão em busca da elevação da produtividade em sua produção pecuária. As propriedades rurais serão pilotos na implantação da solução integrada entre Liberali e a LeBov, duas corporações provedoras de tecnologias para o agronegócio.

Com expertise em software para o agronegócio, certificada pela empresa SAP, a empresa Liberali atende clientes em toda a América Latina com soluções personalizadas aos grandes players do agribusiness. A LeBov é uma companhia que disponibiliza recursos de inteligência artificial para gerenciar o rebanho com alta eficiência. Um de seus destaques é o sistema de identificação animal por radiofrequência (RFID), conhecido como “chip do boi”. Suas ferramentas ampliam os sinais para portais e balança depesagem autônomas que fazem a leitura de cada animal.

Por meio da parceria firmada, serão implantados todos os recursos do LeBov nas propriedades da LFPec, como os brincos com os chips, portais de leitura e balanças, de tal maneira que todas as informações serão transmitidas para o B1Agribusiness - o módulo de gestão agropecuária do SAP Business One. Assim, haverá ganhos de tempo no dia-a-dia da fazenda, poupando retrabalhos manuais e preservando os animais de comportamentos estressantes.

“Medir, controlar e gerenciar ainda são atividades difíceis para produção pecuária. Deslocar o animal até a balança é uma rotina desgastante para os vaqueiros e para os próprios animais. Com os recursos da LeBov tudo isto será feito de maneira mais automatizada. Poupamos tempo no operacional e eliminamos as chances de erro humano, o que nos faz também termos inventários mais apurados e assertivos. Assim investimos o nosso tempo no que realmente vale a pena, garantindo mais produtividade e crescimento ao negócio”, explica o controller da LFPec, Evandro Goulart.

O gestor dos confinamentos da LFPec, Jefferson Duque Albino, afirma entusiasmado. “Tenho 18 anos de experiência em confinamentos e posso afirmar que esta parceria representa uma virada tecnológica na gestão da produção pecuária. Para todos nossos principais gargalos, temos uma solução que trará resultados precisos, tanto na parte técnica como estratégica”. 

Alberto de Oliveira Lima Neto, Conselheiro da LFAgronegócios, controladora da LFPec Mato Grosso, LFPec Bahia e LFPec São Paulo também se posiciona positivamente. “Muito nos anima participarmos do projeto de implantação desta tecnologia inovadora para o pecuarista, com expectativa de incrementarmos ainda mais os controles e produtividade das empresas do Grupo."

“A LFPec já é cliente da Liberali e experimenta há um ano ganhos ao controlar através do SAPB1 Agribusiness, software de gestão ERP, toda sua produção pecuária. Hoje é possível ter acesso às informações administrativas e operacionais de maneira mais ágil seja no computador ou na tela do seu celular. Estamos confiantes que esta parceria aprimora ainda mais toda a prestação de serviço ao nosso cliente. O pecuarista tem em suas mãos a melhor escolha em tecnologia para lhe trazer resultados confiáveis, com impulso na gestão estratégica de seu negócio. Todos saem ganhando!”, afirma Edith Freitas, diretora comercial da Liberali.

“Com a interface no sistema B1Agribusiness, módulo especialista em agronegócio do SAP Business One avançamos na integração das informações. É possível trabalharmos juntos e maximizarmos o acesso às tecnologias em propriedades rurais, em busca da modernização, da produtividade e da competitividade”, enaltece Pedro Martins, sócio-fundador da LeBov.

Rodrigo Gonçalves, engenheiro de computação e professor universitário, também cofundador da LeBov, observa que ter “a fazenda na palma das mãos” não é uma expressão inatingível. Ao contrário, produtores conscientes da revolução digital no mercado e sabedores da importância da qualificação estarão sempre um passo à frente dos demais. “Gestão é a palavra-chave”, reforça Gonçalves.

Sobre a Liberali

Provedora de soluções tecnológicas para o agronegócio, companhia com mais de 17 anos de experiência no atendimento personalizado aos grandes players do mercado como Fazenda Santa Fé, Captar Agrobusiness Confinamento, Grupo Ouro Verde e outros. Certificada pela empresa SAP e com sede na cidade de Cuiabá (MT), a Liberali possui uma equipe altamente gabaritada para atender clientes em toda a América Latina.

Sobre a LeBov

Em parte financiada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), a plataforma LeBov é composta por um pacote de soluções que garantem o rastreamento completo do rebanho, por meio de inteligência artificial e modelos de gerenciamento do campo. O modelo inclui aplicativo de celular compatível com todos os sistemas operacionais, recurso ContaGado de alta performance para inventariar o rebanho, brincos de ultra frequência com tecnologia de leitura a distância, leitor manual e balança de alta precisão.

Sobre a LFPec – Pecuária Profissional
 
A LFPec atua desde o ano de 2000 na cria, recria e engorda de bovinos extensiva e intensiva, através de operação de confinamento, com operações nos Estados de Mato Grosso, Bahia e São Paulo.

Sob a liderança de Francisco Ferreira Camacho, o Grupo vem crescendo de forma consistente ao longo destes anos. É reconhecido pelo mercado pela adoção de melhores práticas, por seus investimentos em novas tecnologias e ferramentas de gestão. Suas certificações permitem produzir animais aptos à exportação em conformidade com normas internacionais.

Fonte: http://www.portalmatogrosso.com.br/negocios/tecnologia-da-informacao-para-a-producao-pecuaria/38209

Ver Todas